Ir para conteúdo 1 Ir para menu 2 Ir para busca 3 Ir para rodapé 4 Acessibilidade 5 Alto contraste 6 Alto contraste 6

SDS quer FECAM e Associações de Municípios na distribuição de cartões do SC + Renda

Assistência Social

01 de junho de 2021 16:57

A Secretaria de Desenvolvimento Social (SDS) apresentou, em reunião com a FECAM e representantes das Associações de Municípios na manhã desta terça-feira (01/06), o modelo em que se pretende contar com a estrutura da Federação será utilizada para agilizar a logística de distribuição dos cartões do SC + Renda, auxílio emergencial proposto pelo Governo de Santa Catarina.

O SC + Renda prevê o pagamento de três parcelas de R$ 300,00, totalizando R$ 900,00, a famílias em vulnerabilidade social e a pessoas desempregadas dos setores mais atingidos pela pandemia – a previsão é de que até 67 mil famílias recebam o auxílio, totalizando a distribuição de R$ 60 milhões. A ideia do Governo é conceder a primeira parcela em julho, a segunda em agosto e a terceira em setembro. Os valores não poderão ser sacados em dinheiro pelos beneficiados, mas servirão para compra de alimentos e de produtos em outros estabelecimentos, como farmácias.

Queremos envolver e tornar os municípios protagonistas, junto com o Governo do Estado, na execução desse programa. Viemos até aqui solicitar a colaboração da FECAM e das Associações de Municípios para atingir nosso objetivo de auxiliar as pessoas mais atingidas pela pandemia”, afirmou durante a reunião o Secretário de Desenvolvimento Social, Claudinei Marques.

Na proposta de logística apresentada hoje pela SDS, os cartões serão entregues pelo Banco do Brasil às 21 associações de municípios de Santa Catarina, em lotes já subdivididos por municípios e Centros de Referência de Assistência Social (CRAS). Ou seja, cada Associação receberá um número específico de cartões, considerando a população a ser beneficiada nos seus municípios de abrangência. Em seguida os municípios teriam acesso aos cartões na respectiva associação da qual fazem parte. Depois de recebê-los, distribuiriam às famílias cadastradas.

Essa parceria entre Governo do Estado, FECAM e Associações, que detêm uma capilaridade para atingir nosso público alvo, é fundamental para proporcionar eficácia e velocidade no acesso ao SC + Renda. Temos certeza que quanto mais os municípios forem protagonistas, maior será o número de pessoas beneficiadas”, comentou o Secretário Adjunto da SDS, Daniel Netto Cândido.

Na próxima semana, uma nova reunião está agendada entre SDS, FECAM e Associações de Municípios para consolidar a parceria em prol do auxílio emergencial. O objetivo é esclarecer eventuais dúvidas dos gestores municipais e facilitar a logística de acesso ao benefício pelas famílias catarinenses.

O governo demonstrou que confia no sistema FECAM, que sabe da grande capacidade, da importância da capilaridade de nossa instituição. Distribuir o cartão que vai matar a fome dos catarinenses, possibilitando que eles o utilizem para comprar comida, remédios, itens básicos, enfim, é uma missão nobre”, disse o Presidente da FECAM, Clenilton Pereira (Prefeito de Araquari), sobre a parceria.

Galeria

  • {{galeriaImagens.length + galeriaVideos.length - 12}}
  • {{galeriaMultimidia.length + galeriaImagens.length + galeriaVideos.length - 12}}
Fechar

Galeria de Audios